Eduardo Bolsonaro destitui Dayane Pimentel e mais 11 vice-líderes do PSL na Câmara.

Postada em 22/10/2019 09:13:07 - Atualizada em 22/10/2019 09:59:32
Por: JNHOJE

 

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) destituiu, nesta segunda-feira (21) os 12 vice-líderes do PSL na Câmara. O movimento aconteceu apenas algumas horas depois do filho de Jair Bolsonaro se tornar líder da bancada do seu partido.

Dentre os ex-vice-líderes está a deputada baiana Professora Dayane Pimentel (PSL-BA). No final de semana, ela e Eduardo protagonizaram uma briga nas redes sociais. Além dela, perderam o cargo de vice-líderes: Felício Laterça (PSL-RJ); Nicoletti (PSL-RR); Daniel Silveira (PSL-RJ); Heitor Freire (PSL-CE); Julian Lemos (PSL-PB); Júnior Bozzella (PSL-SP); Coronel Tadeu (PSL-SP); Nelson Barbudo (PSL-MT); Charlles Evangelista (PSL-MG); Nereu Crispim (PSL-RS); Joice Hasselmann (PSL-SP).

O partido está rachado entre apoiadores de Bolsonaro e defensores do presidente da sigla, deputado Luciano Bivar (PSL-PE). A crise tomou grandes proporções e acabou caindo na imprensa, após a polêmica das candidaturas laranjas.

Na última semana, a disputa pela liderança da bancada se intensificou com deputados apresentando listas com nomes que poderiam representá-los. Na Câmara, o PSL conta com 53 parlamentares.

Seis listas já foram apresentadas. A última foi nesta segunda-feira (21) e tornou Eduardo Bolsonaro o líder da bancada. Ele assumiu o lugar de Delegado Waldir (PSL-GO). Contudo, ainda há outras duas listas na fila de conferência da Secretaria Geral da Câmara, que é a responsável por validar os documentos.

Para se tornar líder, é necessário ter o apoio da maioria da bancada, ao menos 27 assinaturas.


Fonte: Teixiera Hoje

© 2013 - 2019 jnhoje.com

Notícias da Costa do Descobrimento, sul e extremo sul da Bahia.


Anuncie: 73 9 8121-8979 | contatojnhoje@gmail.com


 (73) 98121-8979  |